Pérez Cruz – Limited Edition

Chileno, a 14%, safra 2008, região Valle del Maipo, escelente bebida para acompanhar a carne e as massas preparadas com tanto amor pelo meu querido mestre Ginho. Esse cara faz gastronomia há uma ano e já está detonando pratos que fazem a delicia e prazer dos sentidos para acompanhar um vinho de qualidade como esse!!! Vamos que vamos Ginho!!! Sou seu fã!! Parabéns ao seu filho, prato  do dia!!! Saúde e paz!!!

image

image

Publicado pelo WordPress Android.

Palacete DOC

Portugues, a 12%, safra 2003, região de Sangalhos, agrada ao sogro que o merece pelo seu dia de pai… O vinho é um blend de uvas viníferas européias… muito suave para o meu paladar…. vamos em frente porque a fila é enorme!!! Viva Manuel!!!

image

image

Publicado pelo WordPress Android.

João Pato

Portugues, safra 2007, a 12,5%, da região de Anadia, composto de uvas Touriga Nacional e uma pequena parte não declarada da casta BAGA. Vinho leve, bem ao gosto do sogro que nos acompnha nas comemorações do dia dos pais. Bastante apreciado pelo mestre Jorge e pelo mestre Roberto. Viva aos pais do dia!!! Viva Manuel!!! Viva Jorge!! Viva Roberto!!! Viva Edson!!!

image

image

Publicado pelo WordPress Android.

Corbières

Appellation Corbières Contrôlée, Francês, safra 2007, a 13%, importado pelo Pão de Açúcar, região de Languedoc-Roussillon, este vinho é um blend de Syrah, Grenache e Carignan. É um vinho perfumado a frutas maduras e um paladar suave.

Viva mestre Roberto!! Feliz Natal!!

image
image

Publicado pelo WordPress Android.

Terranoble

Importado por Decanter, a Teranoble fundada em 1993, produz esse varietal Carmenère, safra 2008, a 13,5%, maturado por 4 meses em barricas de carvalho americano (25% do vinho), 90% Carménère, 10% Cabernet Sauvignon embora não declare no rótulo… Bom de apreciar, de custo benefício excelente.

image

image

Publicado pelo WordPress Android.

Trivento

Argentino, corte de Shiraz com Malbec, um tanto ácido e com sabor e odor alcoólico, a 13%, safra de 2009, da região de Mendoza, importado por Vila Porto é um vinho para comprar e abrir sem se arrepender pelo preço. Conheço um bocado de gente que torce o nariz quando vê uma garrafa dele… minha opinião é: vinho simples e barato, bom para dias frios e chuvosos… Viva!!! Vamos que vamos…

image

image

Publicado pelo WordPress Android.

Salton Volpi

Este blend de 85% Cabernet Sauvignon, 5% Merlot, 5% Tannat e 5% Cabernet Franc, safra 2007,  merece destaque na publicação deste blog. A 13%, bem taninado, de cor forte, persistente e com um perfume digno de nota, esse série Premium da Salton é um vinho de excelente paladar que pretendo repetir… brevemente.

image

image

Publicado pelo WordPress Android.

BEAUJOLAIS-VILLAGES

Francês, do Rhône e de Saône-et-Loire (denominação geográfica específica), safra 2002, blend de uvas não declaradas no rótulo, a 12%, deveria ser um vinho de apreciação, porem foi feito para ser bebido ainda jovem. Estava nos planos do cunhado apreciá-lo como um bom vinho. Infelizmente o tempo passou demais para este exemplar… Seguindo adiante!

image
image
image

Publicado pelo WordPress Android.

Eugênio de Almeida

Português, safra 2008, a 13,5%, esse alentejano produzido na região de Évora, blend de uvas não declaradas no rótulo é de uma personalidade marcante. Vinho muito apreciado pelos mestres Jorge e José Adolfo merecem destaque de apreciação deste blog. Vinho de sabor delicado e perfumes frutados, excelente presente para os enófilos de plantão. Viva Jorge!! Viva José!! Façamos um brinde à nossa amizade!!

image

image

Publicado pelo Android.

Corvo Rosso

Tive o prazer de ser mimado pela família da Renatinha. O Dr. Marco Antonio, sempre muito cavalheiro, gosta de agradar os amigos… assim é… como me sinto considerado e querido. Corvo Rosso é um vinho siciliano com características marcantes de cor, perfume e sabor conferindo-lhe uma nota digna de um excelente vinho da ilha italiana. Vinho “Vendemmia” 2007, a 12,5%, rubi intenso, denso, espalha seu aroma cereja e chocolate, conferindo ao paladar um sabor encorpado, ótimo para acompanhar uma massa recheada de castanhas e nozes banhadas em molho vermelho levemente picante. Viva Dr. Marco!!  Sono molto felice di avere la tua amicizia!!!

image
image

Publicado pelo Android.

Periquita

image

image

Faz o gosto do sogro. Este vinho, José Maria da Fonseca, original das terras do Sado (Azeitao), norte de Portugal, blend de Castelão, Trincadeira e Aragones, uvas que lhe conferem uma cor intensa, perfume de vinho jovem e sabor denso lembrando a groselha, safra de 2006, a 13% merece um elogio, este vinho simples de custo benefício muito bom.

Los Teros

Pois bem… Estamos de volta à cozinha do mestre Roberto para mais um round.
Armários 3 X Nós 0. Hummm…
Vamos virar esse jogo começando com esse uruguaio, blend de Merlot e Tannat (sem a proporção declarada), safra 2002, a 12,5%, passou oito meses em barris novos de carvalho e mais doze meses na garrafa… O fato é que este vinho tem perfume e sabor acentuadamente alcoólico. Mestre Roberto e eu concordamos com a opinião sobre este vinho: ótimo para cozinhar… Próximo, por favor.

31102009145.jpg

31102009146.jpg

Publicado pelo Wordmobi